Água Purificada: Projeto

Água Purificada: Projeto

A água purificada por definição não possui substancias agregadas e é de difícil controle microbiológico. Esta água é utilizada nas industrias para formulações de uso externo e não parenteral.

As águas compendiais, assim denominadas pois possuem monografia nas Farmacopeias mundialmente aceitas, utilizadas na indústria farmacêutica, cosmética, veterinária, biotecnologia e produtos para a saúde, são água purificada e água para injetáveis.

A água para injetáveis possui as mesmas características da água purificada, porém 1000 vezes mais exigente em termos microbiológicos e exige controle de endotoxinas em sua composição.

Na validação dos sistemas de água utilizamos avaliações desde o projeto, baseados na norma ASME-BPE, as recomendações de normas nacionais editadas pelos órgãos de vigilância sanitária e monitoramento diário da tendência da contaminação microbiológica do sistema.

Não existe um órgão responsável por creditar empresas para a realização da validação, porque esta tarefa, por lei, é de responsabilidade da empresa produtora.

A empresa detentora do sistema de tratamento de água para uso farmacêutico, purificada ou injetável, é responsável pela produção desta matéria prima primordial a sua atividade e não poderá terceirizar esta responsabilidade.

Tags: | |

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe uma resposta